sábado, 23 de maio de 2009

Como combater a corrupçao

Os esquemas de corrupção possuem estratégias para camuflar irregularidades. Pequenos detalhes como o preenchimento de uma nota fiscal ou cheque escondem artifícios para dilapidar o patrimônio público.



· Fornecedores distantes e desconhecidos: Não utilizar os fornecedores locais é uma das técnicas para subtrair recursos públicos. A aquisição de material de empresas fora da cidade dificulta a investigação sobre as empresas.
· Notas fiscais com descrição vaga sobre prestação de serviço: Ela deve conter informação clara sobre o serviço realizado, tempo gasto e material aplicado.
· Empresas fornecedoras, constituídas no início e fim de mandato: O período de mudança de governo é propício para implantar esquemas de corrupção.
. Desconfie de empresas fornecedoras que são constituídas no início e fim de mandato. Elas podem ter sido especialmente criadas com o objetivo de desviar verbas públicas.
· Pagamentos com cheques sem cruzamento: Para evitar o rastreamento dos recursos, funcionários corruptos facilitam as transações fraudulentas emitindo cheques de pagamento sem identificação do credor.
· Notas fiscais com valores próximos a R$ 8 mil: Uma das maneiras de desviar verbas públicas é utilizar a Lei 8.666/93 que permite a contratação de serviços e compras até R$ 8 mil sem licitação. Verifique se não há emissão freqüente de notas fiscais nesta condição.
· Licitações com condições que impedem a livre concorrência. Com freqüência, estes pré-requisitos privilegiam fornecedores “amigos”. Outros indícios que devem ser investigados são a freqüência com que as empresas ganham as licitações e a sua sede.
· Licitações fraudulentas: Freqüentemente, a perícia em propostas apresentadas por três empresas “concorrentes” revelam que todas foram escritas no mesmo estilo, com trechos ou parágrafos semelhantes. É possível que o grupo tenha utilizado até a mesma máquina de escrever para datilografar as propostas.
· Publicações oficiais: A negociação da compra de espaço em jornais locais pode envolver valores acima do mercado e manipulação da população com notícias tendenciosas.
· Festas públicas: são uma oportunidade para justificar gastos excessivos, especialmente na compra de materiais para a produção do evento e cachês de artistas.
Fonte: Amarribo

domingo, 17 de maio de 2009

Câmara em obras $$$$$$$$$

O Presidente da Câmara Municipal de Porangatu, Odair Amorim (PSC), em expandir o espaço físico do prédio do Legislativo com uma obra próximo a fachada, deixa duvidas, devia ser analisada pelo Ministério Público. Muito estranha a mesma. Este blog levanta suspeita acerca da real necessidade e também do custo gerado pela construção.

EM ENTREVISTA AO JORNAL DIÁRIO DO NORTE, matéria do dia 09, de março, de 2009, que teve o titulo ‘A Câmara vai devolver recursos’

O repórter Gil Bueno fez a seguinte pergunta:

O senhor tem algum projeto relacionado a reformas físicas no prédio da Câmara?

Odair Amorim respondeu - Nós temos um grande projeto de fazer da Câmara de Vereadores de Porangatu um ponto turístico da cidade. Nós vamos reformar e ampliar totalmente esse prédio. Porangatu é um município importante e merece uma Câmara à altura da que existe em Goiânia, e vamos nos inspirar naquela estrutura para essa reforma. Estamos estudando as questões jurídicas e financeiras do projeto e convidamos uma arquiteta, que já está estudando a forma de realizar essa reforma.

Nós vamos reformar e ampliar totalmente esse prédio”disse Odair.

Este blog vai solicitar ao presidente da Casa uma cópia de todo o projeto para uma analise e espera ser atendida nossa solicitação, caso contrario vamos protocolar o pedido no Ministério Publico.

Na entrevista, diz que vai realizar uma reforma e ampliação, de reperente, obra ao lado da fachada,sinceramente, falta transparência do presidente e a mesa diretora 2009, omissa não diz nada sobre atitudes de Odair. O mesmo, viaja para outro Estado, em carro oficial da casa.
Vou relembrar os senhores, fato real. Legislatura de 2005-2008, 7(sete)vereadores foram cassados na vizinha cidade de Formoso-GO,motivo, viagem em carro oficial da casa para outro Estado.
Enquanto isso em Porangatu, a mesa diretora e os demais vereadores aplaudem os atos do atual presidente que faz administração paralela com um vereador Biônico,que manda e desmanda na casa.

Nessa parte da obra: SALA DA SECRETARIA GERAL,SALA DA PRESIDÊNCIA E AO LADO ERA SALA DAS COMISSÕES.
SEGUNDO INFORMAÇÕES HOJE GABINETES DE VEREADORES.

Esse aumento de cumprimento da obra é insignificante, em outras palavras é TORRA DINHEIRO PUBLICO, e não vai representar nada, em melhoria do atendimento ao cidadão.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

CARRINHO DE COMPRAS PODERÁ AUMENTAR OU ACABAR

Câmara Municipal de Porangatu, poderá ganha mais 4 vereadores são eles: Arnaldo Chaveiro(PMDB),Junior Borges(PDT),Mercia Cristina(PTB) e Valdir "Nego Vá"(PR).
Acontecendo, esperamos que esses novos edis ao assumirem tomem posturas diferentes, dentre elas as farras dos cartões BrasilCard, hoje uma realidade na Câmara. Caso contrario, é inutil o aumento de cadeiras na casa.
“É difícil dizer o que revolta mais nos abusos cometidos por nossos nobres parlamentares. Se a desfaçatez ou a falta de “simancol”.
A cada dia mais detalhes do oba-oba com o dinheiro público. Meu celular sempre tem alguem querendo revelar algo.
Alias, Presidente Odair Amorim(PSC), o senhor esta contratando um serviço de arquitetura na cidade de Gurupi,Estado do Tocantins?
Será que em Porangatu ou outra cidade de Goiás não tem profissionais na area qualificados?
Onde estão os arautos da ética e fiscais rigorosos do Executivo. Oh!!! Mesa Diretora 2009, fala alguma coisa ou vão continuar, inventam desculpas esfarrapadas para justificar o injustificável.
Sinceramente, espero se passar pelo plenário a PEC 336/04 , que os novos vereadores possam melhorar a qualidade desta legislatura.

A PEC 336 é oriunda da PEC 333/04, conhecida como "PEC dos Vereadores" e aprovada pela Câmara em maio de 2008.

O texto adotado pelos deputados ampliava o número de vagas nas câmaras de vereadores e, ao mesmo tempo, limitava as despesas dos legislativos municipais, proporcionando uma economia anual de cerca de R$ 1,2 bilhão.
Durante a análise no Senado, a parte que tratava da redução de despesas foi extraída da PEC, sendo aprovado apenas o aumento das vagas.
É esse texto que os deputados voltam a analisar agora.
Tramitação zerada. Como a PEC foi substancialmente alterada, recebeu um novo número e a tramitação foi "zerada". Ou seja, ela vai passar pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, para análise da admissibilidade.
Se aprovada, segue para exame em comissão especial, antes de votação em dois turnos no Plenário.
A proposta de ampliação do número de vereadores foi pivô de uma crise política entre a Câmara e o Senado no ano passado.
O então presidente Arlindo Chinaglia, com apoio dos demais integrantes da Mesa Diretora, recusou-se a promulgar o texto aprovado pelos senadores, com o argumento de que ele era diferente do analisado pelos deputados.
A recusa levou o então presidente do Senado, Garibaldi Alves Filho, a entrar com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) exigindo a promulgação parcial da PEC 333.
Em março deste ano, as novas mesas diretoras das duas Casas decidiram que os senadores vão analisar a parte que trata da limitação de gastos em outra proposta, para então remetê-la à Câmara.
O Senado também desistiu do mandado de segurança no STF.

CAMPANHA “EU QUERO MEU CARTÃO”.

Amigo e amiga, que acompanha o blog,estamos em campanha em favor do auxilio alimentação. Aprovado na Câmara de vereadores de Porangatu, em uma única VOTAÇÃO, SEM PASSAR PELA COMISSÃO.

Mais o que importa agora é a SOLIDARIEDADE.


Por isso vamos ajudar os nossos vereadores nesta AÇÃO SOCIAL. Eles já fizeram a parte deles,chegou nossa vez de divulgar esse Projeto de Resolução nº.12. VAMOS AJUDAR QUEM TEM FOME EM PORANGATU.
Nossa campanha é simples. Toda pessoa que você conhece que esteja precisando de auxilio alimentação, encaminhe para a Câmara de Vereadores.

Chegando la diga em alto e bom som “EU QUERO MEU CARTÃO”.


Este cartão "AUXILIO ALIMENTAÇÃO", é dinheiro dos impostos que pagamos fielmente.


Tá sobrando dinheiro la. NA CÂMARA MUNICIPAL DE PORANGATU NÃO TEM CRISE.

Encaminhe os necessitados de auxilio alimentação, o legislativo definitivamente, virou samaritano com o dinheiro do POVO.
Se tem cartão para todos funcionários, tem para quem necessita também.
Envie e-mail, ligue, comunique as pessoas dessa campanha solidaria em prol dos que necessitam de AUXILIO ALIMENTAÇÃO.

terça-feira, 5 de maio de 2009

BABA OVO ENVIA COMENTARIO ANÔNIMO

Recebi comentário anônimo provavelmente da assessoria do Presidente da Câmara, Vereador Odair Amorim(PSC), no qual me chama de desinformado.



Confira o comentário do Baba ovo,sobre noticia postada da Farra dos cartões na Câmara, na sequência vou fazer minha analise.
Olá, Marcelo Toler...
Você é muito desinformado, pois nessa matéria você diz que a mesa dos diretores tinha aprovado, tudo engano, pois só o presidente . E os vereadores foram informados só na hora da entrega do cartão que foi no dia 09/04/2009 as 14:00 hrs, quinta-feira no "Gabinete do Presidente". O nome do projeto de resolução número 12, que chama Auxílio alimentação do servidor da Câmara Municipal (que é cartão corporativo como vc Diz). So foi assinado no plenário no dia 13/04/2009. Tanto é verdade que tenho uma amiga que é assessora e ela me informou que os assessores dos vereadores não foram contemplados só fixo da Câmara. E três assessores do presidente e os vereadores ficaram de fora. E o Presidente disse "que não vai dar para os assessores do vereadores e (PRONTO)". Por isso!
INFORMA MAIS TÁ BOM...

MARCELO TOLER, responde:

Segundo o baba ovo, só o presidente sabia da entrega dos cartões Brasil Card “os vereadores foram informados só na hora da entrega do cartão que foi no dia 09/04/2009 as 14h, quinta-feira no "Gabinete do Presidente".
Ok senhor anônimo. Mas você deve não ter sido informado pelo vereador Biônico Weldes Pereira(PSC) e nem pelo presidente Odair(PSC),que os servidores efetivos ja tinham feito compras em supermercados da cidade, com o Cartão Brasil Card, valor de R$ 200(duzentos Reais). Ou seja, primeiro entrega os cartões, os funcionários compram em supermercado e somente depois o presidente comunica os demais vereadores.
É anônimo não sou tão desinformado.


Oh! anônimo, então no dia 13 de abril, foi assinado o Projeto de Resoluçao nº12, em plenário, que chama Auxílio alimentação do servidor da Câmara Municipal.
Uai, não sabia que os servidores da Câmara estavam em situação de necessidade de ajudar deste tipo de auxilio.


Senhor anônimo, vou te ajudar,já que você não tem tempo de lê regimento interno da câmara de vereadores de Porangatu,pois o ovo é grande demais.


Anônimo, leia com atenção para aprender :
Art. 80 - Lido o projeto pelo 1º Secretário, no Expediente, será ele encaminhado às Comissões Permanentes que, por sua natureza, devam opinar sobre o assunto.
§ 1º - A aprovação dos projetos de Lei Complementar, de Lei Ordinária, de Resolução e de Decreto Legislativo será feita através de duas (2) discussões e votações, com intervalo de 24 (vinte e quatro) horas, no mínimo, observadas as Disposições legais e regimentais particulares a cada uma proposição.
Então, estão aprovando projetos sem passar pela comissão, sem ser discutido em plenário, pelo que entendi aqui neste comentário anônimo:"foi assinado no plenário no dia 13/04/2009". Não está dizendo votado, mesmo porque teria que passa pela comissão de Finanças e Orçamento e Fiscalização da casa.

LEITOR AMIGO, sabe quem é o Presidente desta comissão, é ele mesmo, Genilto Carlos Pinto(PSB).

Oh!!! Geniltão, o presidente Odair, está passando por cima de sua comissão amigão.

anônimo,aproveita e pergunte ao vereador Biônico, que dia foi a primeira fatura do cartão. Se ele não te responder dia 14 de abril de 2009, ele estará mentindo, viu puxa.

Peraê!
14 de abril,uai assinaram em plenario dia 13 de abril e dia 14 já teve fatura, anônimo do céu,seu chefe ta fazendo você paga mico.

Oh!anônimo, não conta para ninguém não, mais estão aumentando o tamanho da bondade do Presidente Odair. Agora todos, efetivos e nomeados terão cartão Brasil Card. Se você contar para alguem, anônimo, eles;Vereador Biônico e Presidente vão te demitir, ohhhh! Psiu viu!

Amigo e amiga, que acompanha o blog,hoje quero te convidar para uma campanha em favor do auxilio alimentação.
Nossa campanha é simples. Toda pessoa que você conhece que esteja desempregada ou precisando de auxilio alimentação, encaminhe para a Câmara de Vereadores e fale para procurar o Presidente Odair Amorim, pois ele agora está entregando cartão Brasil Card com o dinheiro do imposto que pagamos fielmente.
Chegando la diga em alto e bom som “EU QUERO MEU CARTÃO”.

Tá sobrando dinheiro la. NA CÂMARA NÃO TEM CRISE. Pode envia os desempregados e necessitados de auxilio alimentação, o Presidente Odair é gente boa,homem de fé, agora definitivamente, virou samaritano com o dinheiro do POVO.